domingo, 14 de março de 2010

Quais os motivos pelos quais optei em aceiter fazer parte desta lista?

De muitos outros motivos, tenho um de que muito me orgulho, sempre o assumi e assumo sem rodeios ou medo de o dizer, lutar pela freguesia que me viu crescer, Leça do Balio, desse objectivo legitimo ninguem me desviará, orgulho-me de viver em Leça do Balio e quero o melhor para esta Vila, lutarei por ela enquanto me deixarem.

Joaquim Paulo está a formar uma lista, na sua maioria, de jovens.
Jovens com experiência dada e comprovada em associativismo, no volutariado, jovens com vontade de trabalhar e levar a nossa secção do PS em Leça do Balio a ser mais activa, mais unida e mais solidária tambem...

sexta-feira, 13 de novembro de 2009

PENSAMENTO POLITICO E DOS NOSSOS POLITICOS (LOCAIS)...

É muito mais fácil fazer o povo acreditar numa mentira do que o inverso, pois há verdades que não inspiram confiança.

A vocação do político de carreira é fazer de cada solução um problema.

O erro maior do politico local é não fazer nada quando descobre que só pode fazer pouco.

A política é a arte de conciliar os interesses próprios, fingindo conciliar os dos outros.

terça-feira, 10 de novembro de 2009

DIREITO DE RESPOSTA

“Bom dia.
Esse Sr. é o mesmo, segundo se consta, que anda a preparar (com um outro) o assalto ao secretáriado da secção do PS em Leça do Balio. Muito amigos (dizem-se) do Eng. Costa, mas na hora da verdade....
É o verdadeiro Socialismo..O dos interesses pessoais, e do cheiro a poder.
Como se sabe o lugar de secretário coordenador, é somente o trampolim para a candidatura á presidência da junta.
Ainda agora o Presidente foi eleito e já se denotam "movimentações" para daqui a 4 anos...É francamente mau, muito mau..
Estarei enganado? veremos....”


Depois de ler este texto, resta-me apenas dizer ao camarada que escreveu este comentário o seguinte (digo camarada, porque sei quem o escreveu):

1º Esteja descansado que não há qualquer assalto, diz o dicionário que essa palavra tem o seguinte significado, ataque súbito utilizando a força ou ameaça, com o objectivo de roubar, ataque repentino, investida e como não é nada disto que aconteceu e não é nada disso que pretendemos, esteja descansado que não iremos assaltar o secretariado.

2º Quanto à amizade que põe em causa, não traí nem trairei ninguem, disse-o à pessoa em questão, deve estar enganado ou então alguem o enganou a si, de certeza que não lhe contaram tudo, informe-se primeiro e escreva depois. Queira saber que não preciso de bater nas costas de ninguem, não preciso de ser o que não sou para me fazer ouvir ou impor as minhas ideias, não preciso andar a reboque do chefe para passar por cima dos “amigos”.

3º Quanto aos interesses pessoais, tenho um de que muito me orgulho, sempre o assumi e assumo sem rodeios ou medo de o dizer, lutar pela freguesia que me viu crescer, Leça do Balio, desse objectivo legitimo ninguem me desviará, orgulho-me de viver em Leça do Balio e quero o melhor para esta Vila, lutarei por ela enquanto me deixarem.

4º Quanto ao cheiro de poder, a única pessoa que falou sobre o assunto foi o Sr. nesse seu comentário. O que posso entender de tudo isto é que o Sr. como os seus pares já falaram nessas questões, já têm o problema bem estudado, apenas não sabem como colocá-lo em prática.
Muito bem… então quer dizer que são os Sr.s que estão preocupados em ganhar ou perder o poder, não se preocupem, como bem diz, estas questões são para daqui a 4 anos e não para agora.

5º Quanto a lugares, se o Sr. não estivesse preocupado com o seu lugar, não estaria aqui a comentar desta forma e anónimamente algo que não sabe. E se sabe, é porque alguem lhe foi logo a correr dar a boa nova, pena é que não tenham contado tudo, pois se o fizessem, o Sr. não estaria tão nervoso aqui a comentar a metade que lhe contaram.

6º Se está enganado? Está como sempre esteve.

NOTA FINAL:
O grande mal de alguns é quererem ser alguem sem trabalho, é quererem subir sem nada fazer, é quererem o poder e não ademiti-lo.
Quanto ao momento que atravessamos, renovo o que sempre disse e que não lhe disseram, este é um momento de união.

terça-feira, 3 de novembro de 2009

Como vai a politica por Leça do Balio?

Pois não é que uns certos senhores, esses mesmos que um dia até foram socialistas (dizem eles) perderam as eleições autárquicas, juntaram-se a uns ditos Sociais Democratas (de sociais e democratas parecem ter pouco) e juntos quiseram ganhar na secretaria o que perderam nas urnas!...
Pois é... É mesmo verdade, acreditem...
Esses senhores não souberam perder e quiseram fazer do povo Balienses, gente sem direito a voto (útil), decidiram unir-se e junto tramaram o povo...
Sim, os Balienses que deram ao PS uma maioria relativa para governar têem agora uma grande minoria no seu executivo, de 5 apenas 1.
Pois é verdade, não querem acreditar não acreditem ou então perguntem a esses senhores (peço desculpa se maltratei algum) se não foram eles que tramaram o povo Baliense.
Perguntem... Perguntem...
Não vale apena? Porquê? Aaaahhh, pois, pois, estão a ver como tenho razão...
Mas... Mas... Mas... Depois conto o resto... O segredo é a alma da politica... (Fica para mais tarde)... Um dia destes contarei mais promenores desta Novela da vida real.